O Conflito no Woodstock

Os organizadores do “Festival de Woodstock” convidaram os melhores da época, incluindo os Beatles, na pessoa de John Lennon, mas este contrapôs que os Beatles só atuariam em “Woodstock”, se também fosse convidada a sua nova banda, “Plastic Ono Nuclear Band”.

Claro que, perante esta contraproposta egocêntrica, com influência de Yoko Ono, os organizadores não aceitaram.

Os Beatles já estavam em processo de desintegração desde os primórdios da relação de John Lennon com a artista Japonesa Yoko Ono, por volta de 1968, uma vez que, John Lennon levava esta aos ensaios do grupo.

Anúncio

Em 20 de Setembro de 1969, John Lennon revelou aos Beatles que ia abandonar a banda.

Plastic Ono Nuclear Band

Como se sabe, John Lennon havia formado outra banda a “Plastic Ono Nuclear Band”, formada com conhecidos músicos, como: Eric Clapton, (ex- Roosters, Yardbirds, Bluesbreakers, Cream e  Blind Faith) – guitarra; Klaus Voorman – baixo, guitarra, órgão e saxofone – (ex – Manfred Mann e Beatles);  Lenny White – bateria – (ex – Return to Forever); Yoko Ono – piano, órgão,  percussão e vocal e John Lennon, (Beatles) – guitarra e vocal.  

Alguns dias depois a “Plastic Ono Band” gravou o seu primeiro single, uma música de John Lennon, que já a havia proposto aos Beatles, que a rejeitaram.

Esta rejeição, terá sido mais uma achega para a desunião dos Beatles. Curiosamente e, para não fugir á regra de outras músicas recusadas noutros grupos e que devido a essa recusa abandonaram esses mesmos grupos, também neste caso, aconteceu que, a música “Cold Turkey”, acabou por se tornar num sucesso com a “Plastic Ono Band”.

Eis parte do texto de John Lennon para a música “Cold Turkey”:

“A temperatura aumentou
A febre está alta
Não vejo nenhum futuro
Não vejo nenhum céu
Os meus pés pesam muito
A minha cabeça também
Queria ser um bebé
Queria estar morto
A abstinência apanhou-me de surpresa, […]”

Composição: John Lennon

Os Beatles com, John LennonPaul McCartneyGeorge Harrison e Ringo Starr, iniciaram a carreira, em 1962. Mantiveram este alinhamento relativamente unido até 1968, como referido.

Separação dos Beatles

Contam-se entre as causas para a separação dos Beatles: o abandono das digressões, em 1966 e a morte do empresário Brian Epstein, em 1967. Mas houve outros problemas como as diferenças artísticas. Os compositores privilegiados das músicas dos Beatles eram Lennon/McCartney. George Harrison poucas oportunidades teve para que as suas composições integrassem os álbuns dos Beatles mas, a verdade é que, as muito poucas músicas que integraram os álbuns dos Beatles, como, Something, While My Guitar Gently Weeps, Here Comes the Sun, entre outras, eram mesmo magníficas. Eis parte da música Something, hino de amor, de George Harrison para a sua amada Pattie Boyd.

“Algo no modo como ela se move

Me atrai como nenhuma outra mulher
Algo no modo como ela me seduz

Eu não quero deixá-la agora
Sabes o quanto acredito e muito.

No seu sorriso, ela sabe
Que não preciso de nenhuma outra mulher
Algo no seu estilo que me mostra

Eu não quero deixá-la agora
Sabes o quanto acredito e muito.

Perguntas se o meu amor crescerá, […]”

Composição: George Harrison

Curiosamente, não o deixaram registar a sua composição All Thing Must Pass, no álbum Abbey Road, o último dos Beatles,  a qual, George Harrison gravou, um ano depois num álbum a solo, acabando por se revelar enorme sucesso musical.

George Harrison e Ringo Starr, deixaram o grupo algumas vezes, entre 1968 e 1969.

Depois da morte de John Lennon, em 1980, os restantes elementos reuniram-se para o projecto sobre os Beatles, em 1994, usando as gravações de John Lennon, “Free as a Bird” e “Real Love“.

Mais artigos como este na categoria Cultura e Desporto.

Anúncio

Anúncio

Fernando Serrão
Paixões: Música – Tocar bateria – Arte - Linguística – Etimologia - Grego – Latim – Gramática – Língua Portuguesa – Ortografia - História Geral – Antropologia - Geografia Política e Física – Ciências Sociais e Humanas – Direito - Direito Constitucional – Direitos Humanos – Relações Humanas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.